Foco total na atenção integral à saúde

Foco total na atenção integral à saúde
Com o intuito de aliar assistência de qualidade a um atendimento humanizado e acolhedor, o Grupo São Cristóvão Saúde inaugurou, no último dia 14, o Centro de Atenção Integral à Saúde (CAIS), na capital paulista. A nova unidade é destinada principalmente à prevenção e reabilitação e conta com uma equipe multidisciplinar especializada no atendimento de diferentes públicos.
Em entrevista à Revista Melhores Práticas, Valdir Pereira Ventura, engenheiro, CEO e presidente do Grupo, fala, dentre outras questões, sobre a elaboração do Centro e os principais diferenciais desse novo projeto.
Confira:

MELHORES PRÁTICAS: Quais foram os principais motivadores para o desenvolvimento do CAIS?

VALDIR PEREIRA VENTURA: Estamos assistindo à notória mudança no perfil de idosos da população brasileira, que aumentou 18% nos últimos cinco anos e já soma 28 milhões, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com isso, esse grupo ganha cada vez mais representatividade e sinaliza suas necessidades e expectativas de maneira muito enfática. Tendo em vista a necessidade de mudanças no cenário nacional referente às políticas voltadas para o cuidado com a saúde do idoso e dos avanços da medicina nesta área, demos mais um passo no que diz respeito às atividades assistenciais que prestamos. O Grupo São Cristóvão Saúde acredita que não basta viver mais; o mais importante é viver bem.

MP: Quais os principais diferenciais oferecidos pelo Centro ao público?

VPV: É um novo conceito de prevenção, reabilitação e promoção à saúde em uma área construída de 4.000 m², onde a tecnologia e humanização se fundem, visando uma melhor qualidade de vida. Esta unidade englobará os atendimentos especializados de RPG, Pilates Completo, Reabilitação Neurológica, Respiratória e Ortopédica Infantil, Terapias Aquáticas, Hidroginástica, Massoterapia, Fisioterapia, Quiropraxia, Acupuntura, Reabilitação da Função Auditiva Central e Musicoterapia.

MP: O que o Grupo São Cristóvão Saúde espera com a inauguração do CAIS?

VPV: Buscamos aliar requinte e funcionalidade à segurança, proporcionando um ambiente de tranquilidade, conforto e impacto tecnológico para atender o beneficiário São Cristóvão Saúde de forma diferenciada, com muito destaque e bom gosto. Priorizamos e vivenciamos o conceito de Humanização e Acolhimento.

MP: O que a inauguração do Centro significa para o Grupo?

VPV: Em 2018 aprimoramos a nossa percepção dos valores e anseios considerados nas metas, na visão e na estratégia traçada, levando sempre em consideração que a dimensão assistencial deve ser o centro dos nossos processos de melhoria da qualidade. Focamos nas unidades integradas do cuidado e construímos um novo modelo assistencial e de gestão.
O Grupo São Cristóvão Saúde vem crescendo de forma sustentável e segura, com grandiosos e contínuos investimentos em equipamentos médicos de ponta, estrutura, tecnologia de informação e outras áreas. Temos a consciência da nossa responsabilidade com a sociedade, e se a nossa principal missão é cuidar do próximo, que seja cada vez mais bem feita, com humanidade, respeito e cuidado. A Inauguração do CAIS vem ao encontro de tudo isso.